logotipo Compasso Divertido

 

 

Pedro Silva

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Pedro Miguel Silva (Guitarra Clássica)

 

 

  •  

    Formação académica:

Realizou os seus estudos musicais no Conservatório Regional de Loures, onde estudou Guitarra Clássica, Formação Musical, Acústica, Análise e Técnicas de Composição (A.T.C.), e Música de Câmara. No Conservatório Regional de Tomar frequentou um curso breve de Direção Coral, abarcando este as disciplinas de Prática de Direção, Técnica Vocal, Técnica Gestual e Pedagogia de Ensaio, Análise e Formação Musical.

Licenciatura em Ciências Musicais na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa. Na mesma faculdade realizou o Curso Livre de Formação Musical.

  • Experiência profissional

  • Âmbito público

Neste domínio, destaca-se o seguinte:

– Apresentação dum trabalho de sua autoria na Aula Magna para vozes, guitarra e flauta (no âmbito do Festival da Canção Missionária);

– Participação como júri no Festival da Canção Infantil do Estoril;

– Junho de 2011, membro do Júri de um concurso no Palácio Egipto (Oeiras) envolvendo este três vertentes: música, moda e dança;

– Ex-membro do Coro de Câmara de Cascais e do Coro Sinfónico da Nova Filarmonia;

– Participações noutros coros em parceria com elementos do Teatro Nacional de S. Carlos, do Coro Gulbenkian, do coro do Instituto Gregoriano e do Coro de Câmara de Lisboa;

– Participações nos Festivais Internacionais de Música da Costa do Estoril como ouvinte.

  • Área da composição

Nesta área tem composto algumas obras, cujos títulos encontram-se registados na Inspeção-Geral das Atividades Culturais  (IGAC).

  • Área de ensino

Neste campo, que conta com mais de vinte anos de experiência, tem feito adaptações de repertório oriundo de várias estéticas musicais (erudita, jazz, pop, etc.), enfatizando o cruzamento tímbrico de vários instrumentos, proporcionando aos alunos de forma tão prematura quanto possível o acesso a várias linguagens musicais distintas, bem como aos seus compositores. Com estes procedimentos procura despertar nos alunos primordialmente a motivação, assim como a abertura de horizontes, levando-os a percecionar a etno-diversidade em matéria sonora, com o objetivo de uma melhor compreensão, aceitação e respeito pelas diferenças.

Leciona as disciplinas de Guitarra e Formação Musical, sendo também responsável como orientador de exames efetuados no Conservatório e/ou Trinity College London.

  • Trabalhos do foro musicológico

Nesta área tem trabalhado na elaboração de novos conteúdos programáticos – quer ao nível da aprendizagem da Guitarra, que no domínio da Formação Musical –, visando um enquadramento moderno do que são as tendências de ensino na contemporaneidade.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Paulo Abrantes (Guitarra Clássica)

 

Com experiência em várias vertentes musicais tanto na área do jazz como na música clássica, iniciou a sua carreira como musico profissional no ano de 1983, participou em vários projetos como freelancer tanto em estúdio como em palco caracterizando-se como um musico versátil podendo abranger diversos estilos musicais.

Iniciou a sua atividade como professor de guitarra clássica no ano 1995 e posteriormente deu início ao ensino de guitarra elétrica e baixo elétrico.

A sua experiência musical adquirida ao longo dos anos, em várias áreas musicais, proporciona a cada aluno atingir os seus objetivos com métodos adequados a cada um.

É de referir que cada área musical tem a sua própria filosofia e o seu conhecimento teórico. Mas na prática, o conhecimento físico nos palcos de cada uma delas é insubstituível.

 

 

 

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO

 

DE 2.ª A 6.ª FEIRA - DAS 10:30 ÀS 19:00 - SÁBADO DAS 10:30 ÀS 18:00

® Compasso Divertido 2017 - Todos os direitos reservados.

 

Escola de Música Compasso Divertido

 

ROCKSCHOOL